Contato

jklws@hotmail.com

2014年3月8日星期六

FERNANDO HENRIQUE SALVA O JUVENTUS E É O HEROI DA RODADA

América 1x1 Juventus

http://globotv.globo.com/tv-tem-interior-sp/tem-esporte/v/integra-do-tem-esporte-rio-preto-10032014/3202340/

Link com os gols e com a defesa sensacional de Fernando Henrique. Aos 5:30 do vídeo.

Depois de uma semana cheia para treinamento e ajustes do time, depois de perder para o São Caetano em amistoso, depois da chegada de Élvis, da saída de Romarinho e das dúvidas sobre Dudu Mineiro eis que o Juventus empatou mais uma na A3.

O resultado não foi de todo ruim pois além de somar mais um ponto fora de casa o Juventus também se mantem fora da zona da degola e vai com tranquilidade para cima do Taubaté, adversário que tem sido generoso com o Juva nas últimas partidas disputadas pois o time da Mooca tem se dado bem na grande maioria delas.

O treinador Luis Carlos Ferreira, ainda invicto, levou a campo a seguinte escalação:
Fernando Henrique, Diego Bife, Emerson, Cícero e Lucas Pavone, Derli, Cleberson, Élvis e Fernandinho, Eduardo e Renato Sorriso

O Juventus abriu o placar aos 35 da primeira etapa em penal cobrado pelo zagueiro Emerson mas levou o empate logo aos 36 minutos. O jogo foi movimentado e as duas equipes poderiam ter saído com a vitória mas a melhor chance do jogo foi do América que teve uma penalidade a seu favor aos 35 do segundo tempo mas Fernando Henrique, que voltou a defender o gol juventino após longo inverno, fez grande defesa e sagrou-se o herói da tarde.

O que podemos tirar de bom desse jogo, além de um pontinho valioso, é que Élvis voltou e jogou bem, Fernando Henrique voltou e garantiu o empate e o desaparecido Dudu Mineiro também reapareceu e caso volte de vez pode ser o diferencial que este time do Ferreira esteja precisando para tirar o cabaço na próxima quarta feira e faturar a primeira vitória em casa no campeonato.

PS...Sabe o Osny? parece que foi pra puta que o pari e já se apresentou ao Agua Santa, UFA ainda bem.

37 則留言:

匿名 說...

Precisamos de um lateral direito,mais um meio campista para atuar junto com o Elvis, e um atacante velocista (por onde anda o Thiaguinho)


匿名 說...

Muuuuito bem lembrado. Por onde anda o Thiaguinho,que diga-se de passagem cairia como uma luva nesse time.

Guizão Juventino da Mooca 說...

A ultima vez que tive notícias dele ele estava jogando pela Ferroviária de Araraquara

匿名 說...

Thiaguinho estava jogando na Coreia no ano passado

匿名 說...

Está na Ferroviária

http://www.araraquara.com/esportes/ferroviaria/NOT,0,0,921228,Apos+derrota+fora+de+casa+Ferroviaria+joga+em+Monte+Azul+Paulista+com+mudanca+no+time+titular.aspx

LOUCO PELO JUVA 說...

um abraço aos moquenses e juventinos ,quando o elvis chegou li que ele era maestro mas gostaria de saber de qual orquestra ja que esta faltando muitos instrumentos na nossa orquestra,sobre o jogo o que nos deixa de cabeça quente e que acabamos de fazer um gol e nem comemoramos muito tomamos o empate estou meio receoso na nossa situação
mas espero que na quarta vamos dar a volta por cima obs:uma coisa eu tenho certeza que eles mostraram os goleiros estão bem quem dera se o resto do elenco fosse como os goleiros que ja seguraram o placar ,OBS:UMA BARÇAO ESPECIAL A VC GORDO KKK

匿名 說...

Nesse próximos 3 jogos será decidido o campeonato

Taubaté em casa

Novorizontino fora

Tupã fora

09 pontos classificamos entre os 8

06 ou 07 pontos continuamos na briga pelo G8

3 ou 4 pontos lutaremos para ficarmos na A3

Fora isso, ano que vem B1

Reinaldo.

Sergio Agarelli 說...

Guizão, qual o historico desses estreantes ? Vem mais gente nesta semana que é a ultima para contratações ?

匿名 說...

Apesar da colcha de retalhos, com certeza, o Juventus vai terminar a primeira fase no G-8. Hoje o grupo está muito acima de quase todos os outros times, falta a continuidade nos jogos para ganhar corpo. Na reta final teremos 5 jogos em casa. O Agua Santa usa a Javari para seus jogos. A torcida deles é grande e vai dividir a Javari. Que se preparem os Juventinos para não serem inferiores numericamente.

匿名 說...

Se emplacarmos 02 vitórias seguidas ninguém mais segurará o Juventus. Vai ganhar confiança e meter medo no adversário.

匿名 說...

O Fernando Henrique é um dos melhores goleiros do Brasil, infelizmente el enão tem um padrinho nem empresário que tem influencias em grandes clubes. Além disso esses treinadores desses times intermediários, além dos dirigentes na maioria são desonestos e corruptos. O Fernando Henrique, além de ser bom goleiro é honesto e um grande amigo de todos que precisam dele.

Fernando Galuppo 說...

Quarta feira é decisão! Todos com os devidos atestados para burlar o lavoro e lotar a Javari.

Precisamos ganhar para lutar pelo acesso! FORZA JUVE

Guizão Juventino da Mooca 說...

Agarelli estou com muita preguiça para procurar o historico dos navatos e o Ferreira disse que vem mais gente sim.

Será que o Agua Santa vai jogar na Javari contra o Juventus?

Sergio Agarelli 說...

O jogo contra o Agua Santa está previsto para 29 de março,um sábado, no Baetão (sei lá onde é isso).
O Água Santa tem oficialmente um público de 3000 pessoas em seus mandos. Quando mandaram o jogo na Javari, na quarta feira de cinzas, o público pagante oficial foi de 1600 pessoas, mais do que pusemos neste campeonato. Também não sei se esse público vai mesmo a campo ou a coisa funciona igual ao Gremio Barueri (tem sempre 3000 pagantes mas menos de 300 pessoas assistindo o jogo). Mas não resta dúvida que é mais um time nojento sustentado por verba de PAC.Espero que o Juventus cobre caro o aluguel desse lixo.

Sergio Agarelli 說...

Esqueci...o Agua Santa tem um grande goleiro: Mauricio Mão de Pantera que no final do ano passado esteve na Javari querendo voltar.

Pucci Juventino 說...

Sergio, o Agua Santa ainda não oficializou no site, mas o jogo sera em Diadema provavelmente, e tem chances de ser de noite inclusive.

Guizão Juventino da Mooca 說...

O Agua Santa é um time tradicional no futebol de várzea, disputava Copa Kaiser e etc e por isso eles tem muita torcida mesmo.

Quanto a quem sustenta o time dessa vez não é o governo federal e sim os sócios do Geraldo Alckimim na administração do sistema penitenciário paulista, o PCC...

O Baetão é o estádio do Palestra de São Bernardo

Marcelo 說...

Eles colocam bons públicos porque adotaram uma tática (dar ingressos) alguém paga por isso e distribui na porta do estádio, eu vi sábado na Javari.

Sergio Agarelli 說...

Mas, Marcelo, em jogos do Juventus também é assim. A maioria dos que vão não pagam. Por exemplo, na tribuna de honra, ninguém que lá frequenta paga ingresso e olha que lá normalmente só tem 3 Juventinos de Verdade.

匿名 說...

GRANDE FERNANDO HENRIQUE! GRANDE GOLEIRO E UM CARA LEGAL! TÁ CERTO QUE O NOME AJUDA!

ÁGUA SANTA? DIADEMA? "FINANCIADORES" ESTRANHOS? CARACA! ACHO QUE LÁ A ÚNICA COISA QUE DEVE PRESTAR É O MAURÍCIO MÃO-DE-PANTERA.

QUARTA É GANHAR DO TAUBATÉ E ACELERAR PRO G8.

OTAVIO LIBERDADE

匿名 說...

So uma coisa que nao entendi, outro dia estavam metendo o pau em mistos e "modinhas"aqui, e eu pergunto, este jornalista que escreve aqui ate onde sei , é palmeirense, sendo assim nao seria ele misto?????

Rafael Vitorelli

Guizão Juventino da Mooca 說...

sim Vitorelli, sou misto mesmo.

VAAI ESPERIA...le blue de la norte.

PS...aqui não tem jornalista não meu caro, aqui é torcedor e muambeiro.

Salu

匿名 說...

Guizão o cara estava se referindo ao Fernando Galuppo, não de vc

Sergio Agarelli 說...

A Executiva do Supremo Comando Único Nacional da Torcida Juventina, ao qual me subordino humildemente e obedeço todos os dogmas emanados por esse Sacramentissimo Orgão, advertiu-me de forma severa para que eu não mais chame de MISTOS os caras que torcem pro time grande e vão se divertir na Javari quando não tem nada melhor pra fazer e também exigiu que eu pedisse desculpas públicas.

A ordem que eu repasso a toda a nação juventina vinda de seu Honorável Comando foi para usar um termo politicamente correto e adequado ao Século XXI (já que eu sou um velho que só usa termos futebolísticos da década de 60) então a Executiva Nacional decidiu que doravante os MISTOS serão chamados de BI. Simplesmente BI. mais fácil, não é ?
Pros modinhas não tem nenhuma novidade porque esses não merecem respeito, segundo a Executiva.
Pra terminar, eu peço desculpas só pros BI que são chegados meus, mas desde que eles paguem ingresso pra ver jogo e não enganem o Sr. Antonio do canoli tentando conseguir mais por menos.

匿名 說...

Nao Disse voce, mas a referencia é ao jornalista e bloqueiro Fernando Gallupo que aqui escreve

Rafael V.

匿名 說...

Epa, gostei muito. Esse negócio de "Bi" é comigo mesmo, aliás tem muita gente por ai que jogou ou ficou nas categorias de base no final dos anos 90.

Mario Dançarino.

Clovis Bornai 說...

UI EU SEMPRE GOSTEI DO MOLEQUE FUNGANDO NO MEU CANGOTE E AGORA QUE SOMOS TODOS BI É MELHOR AINDA.

Leandro Lituano 說...

Farei uma pesquisa algum dia desses, por amostragem, de forma quantitativa,para colocar em pauta o seguinte tema: Dos que frequentam a Javari, quantos torcem para outros times? A resposta eu ainda não tenho, mas deve girar em torno de 90% (pelas coversas informais é isso).Portanto, não sei se é inteligente tentar tirar a legitimidade dessas pessoas (da qual eu me incluo)chamadas de ``torcedores-misto´´; tem sim que valorizar quem apoia o Juventus, seja quem for, caso contrário de 400 pessoas nas quartas feiras, não teríamos nem 50 na Javari.

O Supremo Comando Único dos Mundos Espiritual e Terreno da Torcida Juventina 說...

COMUNICADO OFICIAL

Antes que alguns leitores do Blog do Juva fiquem excitados e visando dirimir quaisquer dúvidas sobre as nomenclatura atribuídas a torcedores não exclusivos do Juva, comunicamos:
O termo "BI" é abreviação de BI-Torcedor e neste caso, não tem qualquer conotação racial, religiosa,ou sexual e refere-se ao torcedor de um outro time grande, que não o Amado e Venerado Juva da Mooca e que frequenta o Templo da Rua Javari durante seus jogos, para pretensamente apoiar o Moleque Travesso. Sua principal característica é quando o seu time do coração enfrenta o Juventus ele jamais deixa de torcer pro time grande, mas divulga que torce para o empate. Embora haja muitos BI-Torcedores que tem o Juventus como favorito, alguns podem se converter em Juventinos Exclusivos e há vários exemplos desse fenômeno sociológico na Rua Javari, porém estudos epidemiológicos mostram que a faixa etária mais vulnerável ao contágio do Juventinismo é abaixo dos 30 anos de idade. Na literatura especializada não se verificam casos de seres humanos que possam torcer ou tenham torcido para a Juventus e Lusa simultaneamente.
Já o torcedor "modinha" ou "coxinha" equivale a um estagiário na empresa. Geralmente tem nível ótimo de escolaridade, chega cheio de vontade, geralmente achando que o modo de pensar e agir na Javari (onde não se tolera violência) é igual aos do torcedores de time grande, geralmente fica à sombra das cobertas ou das frondosas árvores do Setor 2 , tentando acompanhar os cânticos, batendo palminha, e ao final, se ganhamos, vai ao bar do Cebola prestar juras de amor eterno ao Juva, mas basta o time perder 2 ou 3 jogos, ele some. Geralmente é um grande debatedor das coisas juventinas , mas só pela Internet.
Para que um “modinha seja convertido em Exclusivo , pelo menos, 3 anos de “mordeção de alambrado" são necessários.
O "turista" é o ser humano que vai á Rua javari, tira uma "selfie" com o busto do “outro lá”, pergunta quem é outro busto ( o do professor Clovis), come o canoli, dá algumas risadas da nossa desgraça e também some. Há casos raríssimos de conversão de turistas em Torcedores Exclusivos.
PORÉM, brincadeiras à parte, os tipos descritos acima tem algo em comum: eles gostam de futebol e não gostariam que o Futebol Profissional se extinguisse. Isso nós apreciamos neles.
Num próximo comunicado abordaremos a existência de uma categoria bastante nociva ao futebol do Juventus, a qual nós meigamente tratamos de “OS BASTARDOS”.

Guizão Juventino da Mooca 說...

Pessoal um pouco mais de mente aberta cai bem a todos aqui.
É legitimo o direito de quem não gosta de mistos, assim como é legitimo o direito de quem é misto e se sente ofendido e também é legítimo o desejo do Sr. Clovis Bornai em querer o moleque fazendo travessuras em seu cangote.

UM POUCO MAIS DE SENSO DE HUMOR E TUDO VAI BEM, NÃO LEVEM AS COISAS TÃO A SÉRIO...

Ja que o assunto está dando pano pra manga irei dar a minha opinião sobre o assunto:
Respeito os mistos e não me importo se torcem para outros times desde que não apareçam na Javari com a camisa do outro time.

Eu não tive a sorte de nascer na Mooca e nem de ser apresentado ao Juventus durante a minha infância e por isso tenho em minha história uma fase na qual eu torci por uma outra agremiação e me incluo na situação de convertido como o amigo com nome estrambolico disse acima.

Guizão Juventino da Mooca 說...

Pessoal um pouco mais de mente aberta cai bem a todos aqui.
É legitimo o direito de quem não gosta de mistos, assim como é legitimo o direito de quem é misto e se sente ofendido e também é legítimo o desejo do Sr. Clovis Bornai em querer o moleque fazendo travessuras em seu cangote.

UM POUCO MAIS DE SENSO DE HUMOR E TUDO VAI BEM, NÃO LEVEM AS COISAS TÃO A SÉRIO...

Ja que o assunto está dando pano pra manga irei dar a minha opinião sobre o assunto:
Respeito os mistos e não me importo se torcem para outros times desde que não apareçam na Javari com a camisa do outro time.

Eu não tive a sorte de nascer na Mooca e nem de ser apresentado ao Juventus durante a minha infância e por isso tenho em minha história uma fase na qual eu torci por uma outra agremiação e me incluo na situação de convertido como o amigo com nome estrambolico disse acima.

Sergio Agarelli 說...

Primeiro, Guizão, você sabe que nós discordamos em muitas coisas, principalmente nas questões de "fogo amigo", mas o fato de você não ter nascido na Mooca não quer dizer que voce não seja um Juventino Autentico.
Conheço centenas de mooquenses que se dizem juventinos e que não fariam nem um milésimo que você já fez pelo Juventus, muito menos gastariam o que você gastou tampouco colocariam o emprego em risco como você fez pra seguir o Juventus pela Interlandia Paulista. Pergunta se algum Misto nos acompanhou ao estádio Ulrico Mursa pra segurar o perrengue lá ou então o do Glauco-Ju-Jovem sózinho lá em Araçatuba em 2005 ou o Setor 2 lá em Lins em 2007 ? Claro que não. Esse jogos foram televisionados e tirar o rabinho do sofá é difícil.
Terminada a puxação de saco, digo que Nós, Juventinos Autenticos, SABEMOS QUE SOMOS menos de 50.
Na verdade, somos 42, segundo o nosso próprio Censo.
Sabemos também que mesmo que todos os que frequentam a Javari pagassem ingresso, a renda gerada pelo futebol não cobriria o consumo de água gasta no estádio. Sempre foi assim. O futebol do Juventus nunca viveu de sua renda de ingressos. Aliás, para alguns desinformados saberem, o clube social, era um projeto da década de 40 e levado a cabo na déecada de 60, por um Herói Juventino chamado Mário Previato, que idealizou o clube social para financiar o futebol. Isso tem que ser relembrado por que tem muita gente querendo inverter essa lógica atualmente.
SABEMOS QUE SOMOS até em menor número que o elenco do Juventus inscrito no site da FPF.
Sabemos também que não lotamos um onibus, mas sabemos também que quando o clube vai jogar fora (perto ou longe) o time só tem a gente pra apoia-los. Não falo de convescotes para campos da Grande São Paulo, onde é mole ir.
Falo de Franca,Itapira, Araraquara, Guaçu, Penapolis, Bauru, Rio Preto,Marília, Votuporanga.Pois é, tem maluco que vai lá e sem subsído de ninguém.
Assim como você e outros, muitas vezes, eu já tive a honra de estar sozinho num estádio torcendo para o Juventus. Ja´vi Cabelo cantando sozinho em arquibancada do interior, debaixo de Sol pra alentar (pra usar um termo do Setor 2)e sob olhares espantados dos locais, cantar até o fim do jogo e os jogadores virem aplaudi-lo.
Então, pra contrapor insunuações ou afirmações arrogantes de que os Mistos são a maioria e sem eles a Javari ficaria vazia, (tal como leio aqui assim como ouvi de um velho imbecil com a camisa do Santos, quando barrado na portaria no ultimo jogo) eu respondo assim:
NÓS SABEMOS QUE SOMOS E VOCÊS PODEM DIZER O MESMO ?

Guizão Juventino da Mooca 說...

essas viagens que vc cita me trazem apenas boas lembranças, o jogo acaba sendo um detalhe perto de tudo que se vive na estrada pelo Juve. De coisas bizarras como a moça que confundiu agente com uma equipe de pescaria quando íamos as 6h da manhã pela estrada rumo a Araraquara, passando pelo Mac Itapira, o maior sanduba do mundo, etc etc etc...somos juventinos porque sabemos como é gostoso ser juventino...Quem não sabe não sabe e ponto final.

Sergio Agarelli 說...

Te digo mais, Guiza, pra comer aquele lanche de Itapira de novo só se subirmos pra A2 ou se a gente for internado no Hospício de lá, porque parece que Itapirense não vai cair.
Aliás, dos times em risco de rebaixamento na A2 só tem o São José de digno, pois o resto é lixo: Baureri-Prudente, Guara-Americana e a segundo quadro do Bradesco.
Precisamos sair dessa A3.
Amanhã mais um clássico.
Depois só a Inter de Limeira. Até agora não perdemos nenhum. Vencemos Norusca, empatamos com Francana e América.
Em tempo, pra mim clássico são os enfrentamentos com equipes que um dia foram fortes na A1.
O Novorizontino foi vice campeão em 90, mas acho que não jogou A1 mais do que 5 vezes. Não entra na minha lista porque não tem tradição. 1990 foi só um espasmo.

Pucci Juventino 說...

Guizão, o Baetão não é estadio do Palestra São Bernardo, o estadio é como o 1º de Maio, da prefeitura que concedeu "gentilmente" ao São Bernardo FC por um bom tempo...

匿名 說...

Jogadot prefere 50 maluco daqueles cantando e incentivando agente doque 500 neguinho bosejando.

Marcelo 說...

Nessa onda de ser ou não misto ou bi-torcedor como disse o Agarelli eu vou me incluir, não posso dizer ainda que hoje sou único e exclusivo torcedor Juventino, mas posso dizer que nunca fiz e tenho certeza que não faria pela outra agremiação os esforços que faço junto com toda a equipe que me acompanha pelo nosso Juventus, as camisas da outra agremiação já não existem mais no meu guarda roupa pois não há a mínima vontade de repor, diferente do que ocorre com o manto grená primeiro apresentado a meu filho no dia 05/05/12 ainda na maternidade um dia antes do acesso e dois dias depois de seu nascimento.
Nessa linha eu digo que hoje tenho vontade de fazer muito mais do que consigo e faço tudo o que dá para expor esse time que conheci ainda em 86 e que timidamente acompanhava até 2011 e com muito afinco à partir de 2012.